Arquivo para 20 de janeiro de 2020

Asiáticos estão mais interessados em trabalhar na Coreia do Sul do que no Japão

Posted in Japão, Notícias with tags , , , , , , on 20 de janeiro de 2020 by vistoconsular

Pesquisa da JICA revelou que o país vizinho tem condições mais atrativas

Associação de Nações do Sudeste Asiático
A Agência de Cooperação Internacional do Japão (JICA) divulgou em um fórum na última quinta-feira (16), o relatório interino de uma pesquisa com cidadãos da Associação de Nações do Sudeste Asiático (ASEAN), sobre trabalho no exterior.

Membros da JICA revelaram que os cidadãos de nações como Filipinas, Vietnã e Indonésia, tem preferido trabalhar na Coreia do Sul do que no Japão, devido as melhores condições oferecidas aos asiáticos estrangeiros.

A Agência revelou um sistema estabelecido, em que muitos asiáticos escolhem o Japão quando não são reconhecidos pelo país vizinho.

O governo japonês possui há anos o sistema de estagiários estrangeiros (Ginou Jishu) que visa, entre outras coisas, garantir a mão de obra necessária para suprir os buracos deixados pelo encolhimento populacional.

O sistema, no entanto, já enfrentou diversas criticas e problemas como exploração de mão de obra e falta de pagamento de horas extras. Muitas denúncias serviram como base para melhorias, como proibir que empresas que não cumprem as normas trabalhistas contratem mais estagiários.

No Fórum, ficou constatado que os membros de cada nação permanecem positivos quanto a perspectiva de trabalho em países estrangeiros. Porém, a Coreia do Sul tem se mostrado uma opção melhor do que o Japão e atrai mais procura daqueles interessados em sair de seus países de origem.

De acordo com uma reportagem do portal BLOGOS, especialistas fizeram sugestões para que o Japão possa resolver o problema. Uma delas foi o aumento da transparência de informações para os interessados em trabalhar no país.

Um especialista chegou a dizer que o ideal seria abolir o sistema de estágios e migrar os estrangeiros para o “tokutei gino”, novo sistema que foi implementado em abril do ano passado para aceitar a entrada de trabalhadores estrangeiros com conhecimento ou experiência em diversas áreas.

A pesquisa da JICA visa captar a real situação da mão de obra asiática no país, para que seja possível implementar melhorias.

Dados de junho de 2019 mostram que cerca de 368 mil estrangeiros estão no Japão pelo sistema de estágios. O governo japonês pretende atrair ao país pelo menos 350 mil estrangeiros até 2024, que devem trabalhar com a nova categoria de vistos lançada em abril do ano passado.

De acordo com a reportagem, o governo está empenhado em garantir benefícios mútuos entre o sistema econômico e a mão de obra estrangeira.

Durante este ano, o governo deve investigar os sistemas de acolhimento de mão de obra estrangeira de outros países e como estão funcionando na prática.
Outro foco é uma pesquisa com ex-estagiários que voltaram para as suas nações de origem.

O levantamento de informações está programado até novembro deste ano.
Fonte: Alternativa

%d blogueiros gostam disto: